STANDARD

1.     Corpo e Dorso: De forma geral, o corpo do Border deve ser arredondado, tendo em especial a curvatura dorsal a auxiliar a forma de esfera. Especificamente e no novo standard o dorso será uma continuação da curvatura esférica de todo o corpo. Corpo e dorso são então um só, tendo como objectivo uma bola de penas curtas, apertadas e de plumagem densa.

2.     Cor: No Border poderá dizer-se que todas as cores são permitidas, com excepção do vermelho, que se obtém com a administração de corantes. Desde os lipócromos branco e amarelo, aos melânicos cinza, verde e o tão ambicionado castanho. Podemos incluir igualmente os mesclados. A cor deve ser o mais brilhante possível, podendo esse factor ser característico da constituição de uma pena curta e larga sobre uma plumagem muito densa.

3.    Posição e movimento: Este item requer que o canário tome uma posição de 60º em relação ao poleiro e igualmente que a cauda se erga 10º igualmente em relação ao poleiro. A ave em trabalho deve apresentar estes dois aspectos. A designação “trabalho” deve-se entender como movimento para uma postura correcta.

4.    Cabeça e pescoço: A cabeça deverá ser redonda e proporcional, em conformidade com o corpo, bem distinta e separada deste mesmo corpo. Assim exigir-se-ão duas formas separadas: uma, o corpo; a outra, a cabeça. A sua ligação deverá teoricamente ser feita pelo pescoço, elemento este que actua como ponte entre as duas esferas de dimensões diferentes: corpo e cabeça.

5.    As asas: devem aderir ao corpo, terminando juntas no início da parte superior da cauda. Não se devem cruzar, mas sim formar um alinhamento simétrico.

6.     Plumagem: deve ser muito compacta e aderente, mesmo nos intensos; deve sustentar de forma harmoniosa toda a cobertura do Border. De preferência deve ser formada por penas largas e curtas podendo deste modo enriquecer a forma esférica do canário.

7.     Saúde e condição: O Border deverá estar de completa saúde, com o mínimo de stress suportado, mostrando-se alegre e vivo, sem sujidade, deixando que o observem e mostrando um movimento calmo que revele todas as suas qualidades.

8.      Coxas e patas: As garras devem ser grandes com pernas altas permitindo realçar a canela que deverá ser bem visível.

9.      Cauda: A cauda deve ser preenchida em baixo por uma continuação da plumagem do corpo que se estende em forma de cunha. Arredondada na extremidade. A sua posição perante o poleiro deverá ascender a 10 º

10.   Tamanho: Ao contrário do que se possa pensar o tamanho do Border Fancy não deverá exceder o limite de 15cm nem o limite inferior a 14 cm. Dizem os técnicos que o Border ideal terá 14,45cm de comprimento.

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: